Dicas: Como estudar Matemática/Física

Gabrieli de Cinque14:37


Ei, Luvetes! Como estão? A blogueira aqui tem zilhões (exagero, mas enfim) de posts salvos nos rascunhos para colocar no ar, mas hoje resolveu ter um pouquinho de trabalho e digitar dois textos que recebeu do professor de matemática (Samps ♥) e que podem ajudar muito, especialmente quem já não gosta das matérias exatas e nem sabe por onde começar a estudar e se preparar para as provas! Ansiosos?

Como Estudar Matemática

♥ Atenção a estas três recomendações:
- Matemática não é um esporte para espectador (Você precisa estar envolvido no processo do seu aprendizado);
- Trabalhe para compreender os princípios (não memorize apenas as fórmulas, entenda como usá-las);
- A matemática é cumulativa (é necessário recordar assuntos vistos anteriormente);

♥ Para estudar matemática:
- Vá as aulas;
- Seja pontual (!!!);
- Ouça as aulas (às vezes as ideias importantes não serão escritas no quadro);
- Faça boas anotações;
- Faça perguntas;
- Ouça as perguntas dos outros;
- Reveja as anotações de cada aula;
- Elabore fichas (não são bem "resumos" pois nelas é indicado que não deixe as respostas e sim onde encontrá-las nos livros);
- Aprenda as notações apropriadas;
- Participe de um grupo de estudos;
- Registre datas importantes;
- Faça uma previsão de tempo adequado para estudos e lições de casa;
- Procure ajuda se você precisar;
- Tenha atitude apropriada (sempre faça o melhor que puder);
- Pratique, pratique, pratique (!!!);
- Aprenda com seus erros (reveja suas lições e provas, tente entender o que o levou a errar).

♥ Para se preparar para as avaliações:
- Estude sempre (faça um pouco a cada dia, não comece a estudar na noite anterior à avaliação);
- Tenha uma boa noite de sono (é importante estar descansado e mentalmente afinado neste dia);
- Faça uma lista de conceitos/fórmulas (certifique-se de conhecer e, mais importante, como usá-las) (Eu tinha um professor que dizia que fórmulas eram "for mulas", risos);
- Refaça os problemas (refaça-os sem olhar as resoluções).

♥ Para o momento da avaliação:
- Relaxe!!! (respire fundo e fique calmo);
- Seja esperto (leia as questões e resolva aquelas que você sabe, depois trabalhe naquelas que pode fazer e, por último, volte e trabalhe nas questões pendentes);
- Seja eficiente com o tempo (não gaste muito tempo tentando resolver um único problema);
- Mova-se (se achar que está preso a um problema, mova-se para outro e depois retorne para terminar a questão);
- Mostre todo o seu trabalho (tente escrever uma solução bem fundamentada);
- Nunca deixe um problema em branco (mesmo não sabendo como terminar, anote tudo o que souber);
- Leia o problema (leia atentamente antes de resolver);
- A sua resposta faz sentido? (certifique-se que sim);
- Verifique novamente sua resolução (se o tempo permitir volte para cada questão e verifique uma a uma).

Referência Bibliográfica: DAWKINS, PAUL. COMO ESTUDAR MATEMÁTICA
Tradução Livre: Prof. Luiz Roberto Rosa
Elaboração: Profa. Ione Pereira de Souza

Como Resolver um Problema

♥ Primeiro: É preciso compreender o problema.

Qual é a incógnita? Quais são os dados? Qual é a condição? É possível satisfazer a condição? A comunicação é suficiente para determinar a incógnita? Ou é insuficiente? Ou redundante? Ou contraditória? Trace uma figura. Adote uma notação adequada. Separe as diversas partes da condição. É possível anotá-las?

♥ Segundo: Encontre a conexão entre os dados e a incógnita. É possível que seja obrigado a considerar problemas auxiliares se não puder encontrar uma conexão imediata. É preciso chegar afinal a um plano para a resolução.

Já o viu antes? Ou já viu o mesmo problema apresentado sob uma forma ligeiramente diferente? Conhece um problema do mesmo tipo ou sobre o mesmo assunto? Conhece um problema que lhe poderia ser útil? Considere a incógnita! E procure pensar num problema do mesmo tipo que tenha a mesma incógnita ou outra semelhante. Eis um problema do mesmo tipo e já resolvido anteriormente. É possível utilizá-lo? É possível utilizar o seu resultado? É possível utilizar o seu método? Deve-se introduzir algum elemento auxiliar para tornar possível a sua utilização? É possível reformular o problema? É possível reformulá-lo ainda de outra maneira? Vota às definições. Se não puder resolver o problema proposto, procure antes resolver algum problema do mesmo tipo. É possível imaginar um problema parecido mais acessível? Um problema mais genérico? Um problema mais específico? Um problema análogo? É possível resolver uma parte do problema? Mantenha apenas uma parte da condição, deixe a outra de lado; até que ponto fica assim determinada a incógnita? Como pode ela variar? É possível obter dos dados alguma coisa de útil? É possível pensar em outros dados apropriados para determinar a incógnita? É possível variar a incógnita ou os dados, ou todos eles, se necessário, de tal maneira que fiquem mais próximos entre si? Utilizou todos os dados? Utilizou toda a condição? Levou em conta todas as noções essenciais implicadas no problema?

♥ Terceiro: Execute o seu plano.

Ao executar o seu plano de resolução, verifique cada passo. É possível verificar claramente que o passo está correto? É possível demonstrar que ele está correto?

♥ Quarto: Examine a solução obtida.

É possível verificar o resultado? É possível verificar o argumento? É possível chegar ao resultado por um caminho diferente? É possível perceber isto num relance? É possível utilizar o resultado, ou o método, em algum outro problema?

Adaptado de "A arte de resolver problemas", de George Polya. Ed. Interciência, Rio de Janeiro, 1978.

Espero que vocês tenham gostado desses textos e que eles ajudem. Andei pensando em me programar a compartilhar com vocês como será minha rotina de estudos, especialmente em casa, em 2013. O que acham? Não esqueçam de comentar suas dicas para que possamos sempre trocar novas experiências.

Bisou!

You Might Also Like

5 comentários

  1. Ótimas dicas, e com certeza irei procurar usar o método de anotações. Realmente muitas coisas são apenas ditas, não escritas, então fica mais prático anotar para não esquecê-las. :) Me ajudou bastante!
    Bjos...

    ♥ SammySacional ♥
    ♥ Dando Uma de Escritora ♥

    ResponderExcluir
  2. Noossa amei seu blog♥!
    Ano passado tirei 10 em todos os boletins de matemática na sétima série... apesar de eu não gostar muito de matemática hehe.
    Más, eu acho que quanto mais a gente odeia a matéria mais a gente estuda! Por isso me dediquei e tirei 10 nos 3 boletins!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Ótimas dicas! A maioria dessas coisas eu fazia quando ainda estava na escola. Era muito bom utilizar essas técnicas para aprimorar os estudos. É um ótimo post, ainda mais por causa da volta às aulas :)

    Beijão, http://dinha-vieira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. ÓTIMAS DICAS.
    Adoroo matemática, e o que muita gente esquece é que matemática é português também. Tanto na hora de ler com atenção o que se pede na situação matemática, quanto na hora de resolver. Ler com atenção e saber Interpretar e muito importante. Uma regra que aprendi e sempre grifar os pontos essenciais de uma equação. E os dado que essa situação Matemática lhe oferece.

    Então este ano: fica a dica ai a todas as leitoras do seu blog: Ler com atenção, devagar pegando os pontos chave da equação e interpretando fica bem mais facil resolve-lá.


    beijoos Gabi.

    Bom carnaval e bom final de semana.

    http://dizaimenina.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. ÓOOOOOOTIMA DIACA haha :D E são toques que servem para outras matérias também, muito legal. Tenho certeza que muita gente gostou, pelo menos aqueles que se preocupam com o futuro! (Medo do meu terceiro e ultimo ano de colégio, risos)

    ResponderExcluir

Twitter

Instagram